Motorhomes NETBR » Blog Archive » 12/AGO/10 - Arte e sabor na Lapa, no Rio de Janeiro

12/AGO/10 - Arte e sabor na Lapa, no Rio de Janeiro

Lapa - Rio de Janeiro - Foto: Pedro Kirilos

Lapa - Rio de Janeiro - Foto: Pedro Kirilos

Estar no Rio de Janeiro e não conhecer a Lapa, no Centro da cidade, é deixar um espaço vazio no álbum de fotografias. Conhecida por cariocas e visitantes como um cantinho genuinamente boêmio, essa região se revela uma ótima opção de passeio também durante o dia – para a surpresa de muitos, acostumados com o seu cenário noturno. Essa ideia fica melhor ainda se for realizada no primeiro sábado de cada mês, quando rola a Feira da Rua do Lavradio, originalmente batizada de Feira Rio Antigo.

A feira acontece no trecho da rua do Lavradio entre as avenidas Mem de Sá Visconde do Rio Branco. Das 10h às 18h, diversas barracas dão um colorido especial à rua, acostumada com o movimento intenso de carros durante a semana. Caminhar pela feira é encontrar antiguidades, artesanatos, pessoas de diferentes lugares do país e do mundo e tudo isso contornado por casarios, que guardam memórias de um Rio antigo.

Entre bijuterias, caixas de madeiras caprichosamente decoradas e bolsas, há também espaço para artigos dignos de um brechó. Vale também entrar nas lojas de antiguidades, que há anos se dedicam a vender móveis, lustres e outros utensílios que já marcaram épocas. Entrar em uma dessas lojas é uma viagem nostálgica por momentos diferentes da sociedade carioca. Além de ficar de olho nas compras, preste atenção também às apresentações de artistas de rua, que podem começar a qualquer momento. Fica a dica para chegar cedo, quando as barracas acabaram de ser montadas.

Como a rua também conta com bares e restaurantes, não se preocupe com a fome. Para deixar a feira mais animada, muitos complementam o cardápio com samba, pagode e chorinho. É difícil resistir à ideia de sentar em uma das mesinhas e curtir a tarde ao som de uma boa música e com variadas escolhas de comidinhas. Pedir uma porção de pastel é uma boa alternativa, por exemplo. Dá para dividir com amigos e com a família. E não faltam bares para atender a esse pedido.

Logo no início da rua (partindo da Avenida Mem de Sá) está o Antonio’s bar, com pastéis em sabores inusitados, como o de palmito com brócolis e o de pêra com gorgonzola. O bar fica na esquina das ruas Lavradio e Mem de Sá e, como está no começo da feira, tem um ambiente mais tranquilo.

Já o Boteco Belmonte e o Botequim Informal seguem uma linha mais tradicional quando o assunto é pastel. Em frente ao Antonio’s, na outra esquina das ruas Lavradio e Mem de Sá fica o Belmonte. O pastel de siri é um dos destaques da bandeja de petiscos que passeia com os garçons pelo bar, levando até as mesas bolinhos de bacalhau, casquinhas de siri, e empadas de frango, camarão, siri e bacalhau.

Figurinha já conhecida na noite da Lapa, o Informal é um charmoso casarão de três andares e também um destino saboroso para o dia. Ele é vizinho do Antonio’s, a alguns passos apenas, no número 192 da rua do Lavradio. Se o objetivo for pedir uma cestinha de pastéis, peça o de carne seca com catupiry ou o de camarão com catupiry. Nos dias de feira, há sempre um show de samba, choro ou MPB na calçada do botequim. Algumas mesas ficam ao ar-livre para quem quiser ouvir uma boa música e ficar ligado no vai e vem de pessoas, entrando e saindo da feira. As apresentações começam às 15h30 e se estendem até as 19h, aproximadamente. Mesmo com a carinha típica de um boteco, um prato que faz sucesso no cardápio é a feijoada, uma alternativa aos petiscos, se a fome for maior. O prato é caprichado e foi eleito a melhor feijoada da Lapa.

Mais para o final da rua do Lavradio, quase na Avenida Visconde do Rio Branco, a Cachaçaria Mangue Seco ocupa um casarão do final do século XIX. Além de ser especialista em cachaças, seu cardápio é baseado em frutos do mar. Em relação aos pasteis, não poderiam faltar os de camarão e de siri. Se frutos do mar não é a sua praia, experimente o de queijo com tomate seco. Para dar graça à decoração, um grande aquário deixa à vista suculentos caranguejos (vivos), que dão as boas-vindas para quem entra no restaurante. O legal é percorrer toda a feira e, no final, escolher uma das mesinhas que ficam do lado de fora, sentindo o clima do evento.

A rua do Lavradio é a primeira rua transversal à Avenida Mem de Sá, a principal via do bairro. Para chegar até ela, é só passar pelos Arcos da Lapa e pelo Circo Voador e virar à primeira rua à direita. Não se esqueça que a rua fica fechada em dias de feira e não é possível entrar de carro. Como estacionar nessa região é uma tarefa difícil, dê preferência a táxis, ônibus ou metrô. Diversas linhas de ônibus passam pela Mem de Sá e a estação de metrô mais próxima é a Cinelândia. Para o passeio ser mais agradável, pense em ir de tênis e com uma roupa confortável e não deixe a máquina fotográfica em casa ou no hotel.

Serviços:
Feira Rio Antigo – Feira da rua do Lavradio
Endereço: Rua do Lavradio.
Todo primeiro sábado de cada mês, das 10h às 18h.

Antonio’s
Endereço: Avenida Mem de Sá, 88
Capacidade: 120 pessoas
Horários: das 09h até o último cliente
Formas de pagamento: Cheque, Dinheiro, Visa Eletron e Redeshop.
Mais informações: (21) 2507-0971 ou (21) 2224-4197

Belmonte
Endereço: Avenida Mem de Sá, 82
Capacidade: 148 lugares
Horários: de domingo a quarta, das 10h à 1h; de quinta a sábado, das 10h às 4h
Cartões: dinheiro, Visa e Mastercard
Mais informações: 21 2224-2169

Informal
Endereço: Rua do Lavradio, 192
Capacidade: 140 lugares
Horários: de segunda a sábado, das 12h às 02h
Cartões: todos.
Mais informações: 21 2224-0492 e 2242-0123

Cachaçaria Mangue Seco
Endereço: Rua do Lavradio, 23
Capacidade: 150 lugares
Horários: sexta e sábado, das 11h ás 2h; segunda a quinta, das 11h à 0h; não abre aos domingos
Cartões: Diners Club, Mastercard, Visa, Smart VR, Ticket Restaurant e Visa Vale
Mais informações: 21 3852-1947

Fonte: Rio Guia Oficial



Comente aqui